Comer carne é preciso!

17/10/2011 - 23:00:00 | 120

Dê preferência às carnes magras. Importante fonte de proteínas, vitaminas e minerais, elas devem fazer parte do cardápio de crianças e idosos

\r\n Há tempos ela vem sendo considerada uma das vilãs da alimentação saudável, porém, é importante saber que a carne vermelha tem componentes essenciais para manter a boa saúde. Alguns a baniram do cardápio, outros exageram no consumo e ainda há aqueles que comem somente nos finais de semana. Muitos ainda lhe atribuem a culpa pelo  aumento do número de mortes por doenças cardiovasculares.
\r\n
\r\n No entanto, pouco se reconhece que são diversos os fatores que levam ao desenvolvimento de uma doença crônica – alimentação, hábitos, exercícios, meio ambiente etc.. A combinação de fatores influi. É claro que a alimentação tem um papel preponderante, e o valor nutritivo de um alimento resulta da combinação de três itens: composição, forma de preparo e a própria saúde do consumidor.
\r\n
\r\n Em relação à composição, a carne bovina, por exemplo, é rica em gorduras saudáveis, proteínas, vitaminas e minerais. O teor de gordura está diretamente relacionado à quantidade de calorias – assim, o indicado para quem quer perder peso ou apenas manter a boa saúde é optar pelos cortes magros: 100 gramas de um corte de carne magra equivalem, em média, a 186 calorias; já um corte gordo pode fornecer mais de 300 calorias a cada 100 gramas. As carnes vermelhas são ricas em vitamina B12, que só existe em  alimentos de origem animal, e é extremamente importante para o bom funcionamento do sistema nervoso central; ferro, essencial para composição da hemoglobina, que transporta oxigênio para todas as células e remove o gás carbônico; zinco, que fortalece o sistema imunológico, além de outros minerais e do considerável teor proteico.
\r\n
\r\n Em relação ao modo de preparo, saiba que o excesso de calor no preparo da carne modifica  a sua composição, facilitando a perda de nutrientes e a formação de compostos que podem fazer mal ao organismo. Como todo alimento, a carne deve ser consumida com moderação e preparada de forma adequada.
\r\n
\r\n Confirma algumas recomendações:
\r\n
\r\n • Além da carne bovina vermelha magra, você pode incluir a de vitela e a de porco;
\r\n
\r\n • Retire as gorduras aparentes;
\r\n
\r\n • Entre os cortes de carne magra estão: patinho, músculo, paleta, peixinho e coxão mole;
\r\n
\r\n • Entre os cortes magros de vitela estão: costeleta, bife de braço, costela e lombo;
\r\n
\r\n • Ao escolher a carne, note que ela esteja totalmente vermelha (vitela e carne de porco, rosa cinzento) e que não esteja seca;
\r\n
\r\n • Em casa, se não for prepará-la em até três ou quatro dias (um ou dois para a carne moída), congele-a;
\r\n
\r\n • Para descongelar a carne o correto é deixá-la na geladeira. Se estiver com pressa, utilize o micro-ondas ou mergulhe-a em água fria, sempre trocando a água de hora em hora;
\r\n
\r\n • Nunca descongele a carne em temperatura ambiente, pois isso facilita a multiplicação de bactérias;
\r\n
\r\n • Na preparação: opte pelo cozimento. Grelhada ou assada são também excelentes opções;
\r\n
\r\n • Coma pequenas porções e mastigue bem. E não se esqueça do uso do fio dental após as refeições.  
\r\n
\r\n Por: AgComunicado
\r\n       

\r\n


  • Produtos relacionados
  • Comentários

Produtos relacionados


É necessário se logar no site para enviar um comentário.







Super produtos