Cúrcuma, elemento do açafrão, pode auxiliar no tratamento do câncer

30/11/2011 - 00:00:00 | 117

Pesquisadores desvendam novas propriedades da especiaria mais cara do mundo

\r\n A cor amarelo-ouro seduz. O odor e paladar que ele confere à culinária também: uma paella, por exemplo, prato típico espanhol, não é nada sem a presença desta valiosa especiaria. O açafrão (do árabe za’faran, significa amarelo) surgiu, provavelmente, na Ásia Menor ou no Oriente Médio, e ganhou o mundo. É na Espanha e Portugal que estão os principais produtores de açafrão.
\r\n
\r\n Mas nada de exagerar no seu uso, pois pode ser tóxico em grandes quantidades. Composto pelo cálcio, ferro, vitamina C, vitaminas do complexo B e fósforo, apresenta importantes qualidades terapêuticas. A sua raiz, de forte cor laranja, contém curcuminoides, muito parecidas aos polifenóis, por sua vez encontrados na uva, além do chocolate, gengibre e chá verde.
\r\n
\r\n O açafrão ajuda a reduzir o colesterol e tem propriedades analgésicas, antiinflamatórias e antioxidantes. Algumas culturas o utilizam até em infusões para cuidar de resfriados e a sua fama como afrodisíaco está em voga até hoje.
\r\n
\r\n Pesquisadores da Universidade da Califórnia descobriram que a cúrcuma, principal componente do açafrão, desencadeia um processo que inibe a atividade das células cancerosas da saliva, dificultando assim o desenvolvimento do câncer de pescoço e de cabeça. Segundo estes estudos, a especiaria suprime a atividade das células relacionadas a uma diminuição do número de moléculas inflamatórias na saliva.
\r\n
\r\n A pesquisa, ainda em andamento, detectou ainda que, para ter o efeito desejado, a cúrcuma precisa ser ingerida como suplemento, e não nas quantidades utilizadas para cozinhar.
\r\n
\r\n Pertencente à família do gengibre, o açafrão  é a especiaria mais cara do mundo. Isso porque é muito difícil e trabalhoso obtê-la – para elaborar apenas alguns gramas utilizam-se milhares de flores da planta, processadas manualmente (com 100 mil flores são obtidos  cinco quilos de estigmas, os fiozinhos avermelhados que tingem diversos pratos).
\r\n
\r\n No Brasil, o açafrão é encontrado em pó ou seco. Outro condimento aqui atende pelo mesmo nome, mas também é conhecido como batatinha-amarela, açafreiro, gengibre de dourar, gengibre dourado. Não corresponde, é claro, ao mesmo produto caríssimo vindo da Europa, mas, conforme o seu uso, até pode substituir o original.
\r\n
\r\n Por: AgComunicado
\r\n       

\r\n


  • Produtos relacionados
  • Comentários

Produtos relacionados


É necessário se logar no site para enviar um comentário.







Super produtos