Glutamato monossódico está relacionado ao desenvolvimento da obesidade

22/06/2011 - 00:00:00 | 86

Aditivo alimentar é responsável por potencializar o sabor dos alimentos\r\n

\r\n Um estudo conduzido pelos especialistas em nutrição da Universidade da Carolina do Norte, nos Estados Unidos, acompanhou aproximadamente dez mil adultos que consumiram diferentes quantidades de alimentos contendo o realçador de sabor glutamato monossódico, por um período de cinco anos. Foi possível observar que os indivíduos que ingeriram em média cinco gramas desse componente diariamente possuíam uma probabilidade 33% maior de desenvolver sobrepeso em relação aos que consumiam menos alimentos com o aditivo.
\r\n
\r\n Apesar desse resultado, os especialistas afirmam que o glutamato não é o único responsável pelo aumento de peso. Porém, quando consumido em excesso, ele aumenta a probabilidade do indivíduo se tornar obeso.
\r\n
\r\n Esse potencial vinculo do glutamato com a obesidade pode estar relacionado ao hormônio leptina, que funciona como um mensageiro encarregado de avisar o cérebro e outros órgãos sobre a  saciedade. O aditivo alimentar glutamato pode deixar o organismo resistente à ação desse hormônio, fazendo com que a pessoa coma mais.
\r\n
\r\n Outros estudos mostram que que o organismo humano utiliza o glutamato como transmissor de impulsos nervosos. E que as anomalias no funcionamento dos receptores de glutamato estariam relacionadas a doenças neurológicas como a doença de Huntington e o o Mal de Alzheimer. O órgão regulatório dos Estados Unidos, a FDA (Food and Drug Administration) afirma que o consumo do glutamato monossódico não provoca tais efeitos, mas há vários especialistas que afirmam o contrário.
\r\n
\r\n Quando uma comida é processada, pode-se supor que ela possa conter esse ingrediente, que é também conhecido como ácido glutâmico. A melhor forma de evitá-lo é aderir a uma alimentação de alimentos frescos. Em indivíduos sensíveis, o glutamato monossódico pode causar sintomas como dores na cabeça, no pescoço e nos olhos, queimação no peito, ondas de calor e mudanças no humor cerca de 20 minutos após sua ingestão.
\r\n
\r\n Por: AgComunicado

\r\n


  • Produtos relacionados
  • Comentários

Produtos relacionados


É necessário se logar no site para enviar um comentário.







Super produtos