Hábitos saudáveis influenciam a fertilidade feminina

12/04/2011 - 00:00:00 | 121

Alimentação correta, prática de exercícios sem exageros e peso adequado são fatores importantes

Cada vez mais a mulher assume posições de destaque na sociedade. Mesmo exercendo várias atividades, a maioria delas deseja ser mãe. Por isso, é importante que estejam cientes de que a adoção de uma alimentação adequada e a prática correta de exercícios físicos podem aumentar as chances de concepção. Já o oposto (alimentação desregrada e prática excessiva de exercícios) diminuem as chances de engravidar.  

\r\n

De acordo com o Instituto Brasileiro de Reprodução Assistida (Ibrra), a obesidade aumenta em 30% as chances de infertilidade. No grupo de mulheres obesas, cerca de 12% só poderão ter filhos com a ajuda da medicina. A obesidade está ligada ao alto consumo de alimentos engordativos, açucarados e gordurosos. O consumo excessivo de gorduras saturadas e trans, o consumo de muito sal e pouca atividade física são a receita para diminuir a fertilidade. 

\r\n

É importante que a mulher observe o ciclo menstrual para que saiba se o peso está interferindo nas chances de engravidar. Há alterações às vezes pouco evidentes no ciclo que precisam ser avaliadas pelo médico e podem estar relacionadas ao excesso de peso. Tanto a obesidade quanto a magreza podem comprometer a fertilidade. A obesidade pode ou não estar relacionada à síndrome dos ovários policísticos, que é um distúrbio hormonal que altera a ovulação. No caso da magreza excessiva, pode ocorrer uma baixa produção de estrógenos, os principais hormônios femininos, gerando irregularidades na menstruação e na fertilidade. 

\r\n

Certos hábitos devem ser evitados para que a mulher garanta a saúde reprodutiva, como o consumo excessivo de álcool, cafeína e alimentos ricos em gordura trans. Além disso, o cigarro prejudica a ovulação, a concepção, antecipa a menopausa, e dá mais propensão ao aborto espontâneo. 

\r\n

A família das vitaminas do complexo B é importante para um sistema reprodutor saudável e desempenha um papel essencial no desenvolvimento fetal. Em fase de planejamento da gravidez, é muito importante iniciar a suplementação com ácido fólico (B9). Essa vitamina do complexo B previne alguns defeitos no tubo neural do bebê.  Além disso, qualquer carência nutricional deve ser avaliada por um especialista. As vegetarianas, por exemplo, costumam apresentar deficiência de zinco, que é um mineral importante para a função reprodutiva e pode ser encontrado em vegetais de folhas verdes, feijão, brócolis, gema de ovo, carne vermelha e cereais. 

\r\n

Autor:  Agência Comunicado

\r\n

Fonte:  Site Melhor Amiga 



  • Produtos relacionados
  • Comentários

Produtos relacionados


É necessário se logar no site para enviar um comentário.







Super produtos