O que é Pílula do dia seguinte

03/05/2012 - 00:00:00 | 269

Saiba mais sobre a pílula do dia seguinte

\r\n O que é Pílula do dia seguinte

\r\n

\r\n  

\r\n

\r\n  

\r\n

\r\n A pílula do dia seguinte é uma febre usada como alternativa para evitar a gravidez de pelo menos dez anos. Esta medicação foi liberada pele OMS e ANVISA, da qual passou a ser encontrada nas farmácias e é adotada pelas mulheres de todas as faixas etárias, e muitas delas não entendem como funciona e nem respeitam as indicações do médico. Para não ter duvidas na hora de ingerir o medicamento consulte especialistas no assunto e use somente em momentos de emergência.

\r\n

\r\n  

\r\n

\r\n O que é
\r\n Tem dois tipos comuns que vem duas doses e o que vem uma dose única.
\r\n O de duas doses deve tomar um comprimido após a relação sexual e depois de 12 horas tome o outro comprimido.
\r\n O de apenas uma dose deve ser ingerido após a relação sexual.
\r\n As duas apresentações contém o principio ativo levonorgestrel é um sintético do hormônio progesterona. A diferença entre as pílulas comuns é que a do dia seguinte não tem hormônio estrogênio na sua formulação.

\r\n

\r\n  

\r\n

\r\n Como funciona
\r\n Há uma sobrecarga hormonal que altera as características do endométrio e cria um ambiente impróprio para a implantação do embrião, mas caso haja o encontro do óvulo com o espermatozoide e a fecundação. Se o embrião estiver instalado, a pílula não vai fazer com que ele seja removido, ou seja, não vai provocar o aborto.

\r\n

\r\n  

\r\n

\r\n Prazo de validade
\r\n A maioria das pílulas tem um efeito de 72 horas depois de administradas, não importa quantas vezes você faça sexo dentro desse período.

\r\n

\r\n  

\r\n

\r\n Menos é mais
\r\n Segundo a OMS é um contraceptivo de emergência, que é indicado para situações em que a pessoa teve relação sem camisinha, esqueceu-se de tomar o anticoncepcional ou errou o calculo de período fértil outros casos de violência sexual. Este medicamento não deve ser tomado de uso contínuo como um método de prevenção. E nunca pode ser ingerido mais de uma vez por mês. Por que? Faz com que aumente a dosagem hormonal e desregula o ciclo menstrual e sobrecarrega o fígado, que é onde o hormônio é metabolizado. E em excesso de hormônio pode refletir em pele mais oleosa, queda dos cabelos e diminuição de libido.

\r\n

\r\n  

\r\n

\r\n Eu posso?
\r\n Todas as mulheres podem consumir a pílula do dia seguinte, mas o ideal é que seja sob prescrição médica.

\r\n
\r\n

\r\n O que vem depois
\r\n As pílulas mais antigas costumavam causar náuseas, vômito e dor de cabeça. Mas mesmo assim algumas meninas ainda sentem esses sintomas. Mas se o vômito vir acontecer dentro de 12 horas depois que tomou o remédio, é necessário repetir a dose, pois ele pode ser eliminado. É normal se acontecer algum sangramento nos dias seguintes.

\r\n

\r\n  

\r\n

\r\n Siga as regras
\r\n Caso escolha a pílula de duas doses cuidadas para não esquecer a segunda dose. Se esquecer de tomar repita o processo inteiro. Saiba que a descarga hormonal provocará efeitos colaterais que já foram mencionados. Mas a proteção não irá além das 72 horas seguintes.
\r\n A pílula não tem poder contra as doenças sexualmente transmissíveis ou HIV. Contra estas é a camisinha o melhor contraceptivo.

\r\n

\r\n  

\r\n


  • Produtos relacionados
  • Comentários

Produtos relacionados


É necessário se logar no site para enviar um comentário.







Super produtos